fbpx

HOME

CURSOS

BLOG

PODCAST

HUB NUTRIÇÃO

44H

AULAS teóricas

28H

Práticas facultativas em grupo

12H

práticas individuais facultativas

860€

PREÇO promocional

B-learning

FORMATO

#SportsAcademy

Print

Curso Avançado em Reabilitação Desportiva

A Academia Clínica Espregueira | Dragão, projeto apoiado pela Clínica Espregueira |FIFA Medical Centre of Excellence, convida para o Curso Avançado de Reabilitação Desportiva.

A avaliação clínica, o diagnóstico, o tratamento eficaz de lesões e a melhoria da performance desportiva são determinantes para o rendimento do atleta e para o êxito desportivo. Na União Europeia os custos diretos anuais com lesões desportivas ultrapassam os 2 biliões de euros. A tradução destes números implica perda de rendimento e descontinuação de carreiras desportivas, negligência por vezes e impacto negativo no bem e estar e saúde dos atletas, assim como, premissa para o insucesso. Urge a necessidade de promover e intensificar o acesso equitativo às boas práticas e últimas evidências em medicina e reabilitação desportiva.  Devemos priorizar e dotar as pessoas de conhecimentos e competências para reduzir a incidência, as complicações e a reincidência de lesões. Há que aprender a diagnosticar de forma precisa para tratar eficazmente, seja cirúrgica ou conservadoramente. Os processos de reabilitação e retoma desportiva, baseados em critérios, passíveis de serem avaliados e medidos, são determinantes de sucesso.

A Ortopedia e Traumatologia e a Medicina Desportiva, assim como, a Fisioterapia Desportiva e as Ciências do Desporto, têm vindo a ampliar e a otimizar os serviços através de práticas baseadas em evidência e suportado em processos estruturados e customizados à individualidade física, atlética e outras dimensões dos atletas. É essencial e há que responder às necessidades da sociedade atual, com necessidade de praticar exercício físico e desporto. Há que aprender a controlar regularmente o estado de saúde, otimizar a performance e tratar dos atletas, em todas as idades e em todos os níveis.

Os participantes deste curso são convidados a aprender de forma crítica e fundamentada, dimensões cruciais sobre o aumento da robustez física, avaliação clínica, diagnóstico e algoritmo de tratamento, reabilitação e melhoria da performance no contexto das principais – mais frequentes e/ou mais graves – lesões desportivas. Estas são um problema a que todos os agentes do desporto devem atender. Os profissionais de Saúde e Ciências do Desporto que se prepararam para este desafio, contribuirão de forma decisiva para manter e recuperar a saúde, e para um desempenho superior do atleta!

objectivos:

MÓDULO I - Avaliação de pré-época, prevenção e robustez física

  • 20.00 – 22.00 Rogério Pereira
  1. Caracterização de modelos e da eficácia de programas de prevenção e de aumento de robustez física e da performance  
  • 20.00 – 22.00 Ruben Ferreira
  1. Rotinas de prevenção em clubes de futebol profissional: o que eu faço no meu dia-a-dia
  • 20.00 – 22.00 Ana Sousa
  1. Avaliação, interpretação e estratégias de melhoria do VO2máx
  • 20.00 – 21.00 Diogo Rodrigues Gomes
  1. Exame médico-desportivo – deteção de contraindicações para o desporto e identificação de oportunidades para melhoria da condição atlética.
  • 21.00 – 22.00
  1. Morte Súbita no Atleta – o papel da avaliação cardíaca

MÓDULO II - Avaliação Clínica - sistematização na avaliação física, execução e interpretação de testes ortopédicos

  • 20:00h – 21:00h João Espregueira-Mendes
  1. Avaliação clínica e exame físico do Joelho
  • 20.00 – 21.00
  1. Avaliação clínica e exame físico do pé e tornozelo
  • 20.00 – 21.00
  1. Avaliação clínica e exame físico do Anca
  • 21.00 – 22.00 Jóni Nunes
  1. Avaliação clínica e exame físico da Cintura escapular e membro superior
  • 20.00 – 22.00 Lucas Brink
  1. Avaliação Clínica e Exame Físico da Lombar e Sacro-Ilíaca

MÓDULO III - Imagiologia músculo-esquelética no contexto do desporto

  • 20.00 – 22.00
  1. Literacia em imagiologia músculo-esquelética no contexto da traumatologia no desporto
    • 19.00 – 20.00
    1. Diagnóstico e caracterização ecográfica de lesões nos gastrocnemius Carles Pedret
    2.  
  • 20.00 – 22.00
  1. Imagiologia no contexto da traumatologia no desporto. Casos Clínicos

MÓDULO IV - Lesões desportivas osteoarticulares e ligamentares. Reabilitação com base nas últimas evidências e boas práticas

  • 20.00 – 22.00
  1. Perfil traumatológico na criança e no adolescente – Desporto vs lesões Epidemiologia, fatores de risco, mecanismos de lesão, apresentação clínica, avaliação clínica e imagiológica, algoritmo de tratamento conservador e/ou cirúrgico. 
  • 20.00 – 21.00
  1. Lesões osteoarticulares e capsuloligamentares do pé e tornozelo: Epidemiologia, fatores de risco, mecanismos de lesão, apresentação clínica, avaliação clínica e imagiológica, tratamento conservador e/ou cirúrgico. Casos clínicos.
  • 21.00 – 22.00 André Silva
  1. Lesões ligamentares do tornozelo por mecanismos de inversão: processo de e progressão na reabilitação. Discussão de casos clínicos
  • 20.00 – 21.00
  1. Fraturas de Stress: epidemiologia, fatores de risco, mecanismos de lesão, apresentação clínica, avaliação clínica e imagiológica, tratamento conservador e/ou cirúrgico
  • 21.00 – 22.00
  1. Tratamento de lesões de cartilagem articular do joelho: epidemiologia, algoritmo de tratamento cirúrgico, reabilitação pós-operatória e critérios para a retoma desportiva – uma proposta com base na evidência científica
  • 20.00 – 21.00
  1. Lesão do ligamento cruzado anterior: casos clínicos com discussão do algoritmo de tratamento cirúrgico.
  2.  
  • 21.00 – 22.00
  1. Lesão do ligamento cruzado anterior: processo de e progressão na reabilitação.
  • 20.00 – 21.00
  1. Retoma desportiva após reconstrução do ligamento cruzado anterior: critérios cronobiológicos e funcionais de retorno à competição.
  2.  
  • 21.00 – 22.00
  1. Lesões Meniscais: tratamento conservador e cirúrgico – meniscectomia Vs reparação. Qual e porquê?
  • 20.00 – 21.00
  1. Lesões meniscais: reabilitação adequada à meniscectomia e à reparação meniscal
  • 21.00 – 22.00 Jóni Nunes
  1. Luxação do ombro: como avaliar e tratar
  • 22.00 – 23.00
  1. Conflito femoroacetabular: Epidemiologia, mecanismos de lesão, apresentação clínica, avaliação clínica e imagiológica, tratamento cirúrgico e/ou conservador.

MÓDULO V - Lesões musculares e tendinopatias. Reabilitação com base nas últimas evidências e boas práticas

  • 20.00 – 22.00
  1. Tendinopatias do membro inferior: epidemiologia, mecanismos de lesão, apresentação clínica, avaliação clínica e imagiológica, algoritmo de tratamento conservador e/ou cirúrgico 
  • 20.00 – 21.00 Diogo Rodrigues-Mendes
  • 21.00 – 22.00
  1. Lesões dos isquiotibiais: processo de e progressão na reabilitação. Discussão de casos clínicos 

MÓDULO VI - Reabilitação psicossocial e nutrição no desporto

  • 20.00 – 21.00
  1. Estratégias de coping no processo de recuperação de lesão
  • 21.00 – 22.00
  1. Suplementos – segurança e eficácia
    • 20.00 – 21.00
    1. O papel da nutrição na recuperação da lesão  
    2.  
  • 21.00 – 22.00
  1. O papel da proteína no ganho da massa muscular 

MÓDULO VII - Síndromes e traumatismos crânio-cervicais. Gestão clínica com base nas últimas evidências e boas práticas

  • 20.00 – 22.00 Diogo Rodrigues-Mendes
  1. Síndrome pubálgica: definição, epidemiologia, fatores de risco, mecanismos de lesão, apresentação clínica, avaliação clínica e imagiológica, algoritmo de tratamento conservador e/ou cirúrgico, processo e progressão na reabilitação com base em critérios. Discussão de casos clínicos
    • 20.00 – 21.00
    1. Traumatismo na cabeça – Concussão? Como avaliar e como e como gerir a retoma desportiva 
    2.  
  • 21.00 – 22.00
  1. Traumatismos crânio-cervicais no desporto: atenção ao atleta na fase aguda da lesão 

Práticas facultativas em grupo

  • 14 Maio 2022
  • 14:30h – 18:30h
  1. Avaliação ortotraumatológica do membro inferior: demonstração, treino e interpretação clínica
  2.  
  • 28 Maio 2022
  • 14:30h – 18:30h
  1. Blood Flow Restriction Training: fundamentos e aplicações em reabilitação desportiva
  2.  
  • 29 Maio 2022
  • 9:00h – 13:00h
  1. Treino isoinercial: aplicações terapêuticas e para melhoria da performance
  • 14:30h – 18:30h
  1. Exercícios e programas para melhoria de robustez física e prevenção de lesões – intervenções baseadas em exercícios
  2.  
  • 04 Junho 2022
  • 14:30h – 18:30h
  1. Avaliação neuromuscular isocinética – Desenho, implementação e interpretação de protocolos isocinéticos de prevenção, reabilitação e melhoria do desempenho Neuromuscular
  2.  
  • 05 Junho 2022
  • 9:00h -13:00h
  1. Treino de força e potência em contexto de reabilitação
  • 14:30h – 18:30h
  1. Reabilitação e aumento da robustez física da cintura escapular e membro superior

Práticas facultativas individuais

  1. Tratamentos biológicos eco-guiados – 1h
  2. Consulta de Medicina Desportiva  – 1h
  3. Kinesis – 4h
  4. Fisioterapia – 2h
  5. Consulta de Ortopedia – 2h
  6. Estudo de Caso (LCA, rutura muscular, lesão meniscal e outros)- 2h

A NOSSA EQUIPA DE DOCENTES

[ COORDENADOR CIENTÍFICO-PEDAGÓGICO]

JOÃO ESPREGUEIRA-MENDES

Chairman of Clínica Espregueira – FIFA Medical Centre of Excellence, FC Porto Stadium
Chairman and Professor of the Orthopaedic Department of Minho University, Portugal
Vice-President of the International Society of Arthroscopy, Knee Surgery and Orthopaedic Sports Medicine (ISAKOS)
Board Member of the Patellofemoral Foundation
Member of the Advisory Board of the ESSKA Foundation
Advisory Board FIFA Medical Centre of Excellence
3B’s/ICVS Senior Researcher – Minho University
Futebol Clube do Porto Consultant
President of the European Society of Sports Traumatology, Knee Surgery and Arthroscopy (ESSKA) 2012-2014

RUBEN FERREIRA

Head Physiotherapist at Sporting Clube de Portugal
Co-founder & Director at Football Medicine®

HÉLDER DORES

Hospital da Luz Lisboa
Sport Lisboa e Benfica – Human Performance Department
CorSport
NOVA Medical School

 

LUCAS BRINK

Faculdade de Medicina e Ciências Biomédicas – Universidade do Algarve 
Football Medicine ®

ANA SOUSA

Ana Sousa fez a sua Licenciatura em Desporto e Educação Física (2006), Mestrado em Treino de Alto Rendimento Desportivo (2010) e o Doutoramento (2015) em Ciências do Desporto, na Faculdade de Desporto da Universidade do Porto.
Possui ainda uma Pós-Graduação em Reabilitação em Medicina do Exercício e Desporto (2015) pela Faculdade de Medicina da Universidade do Porto.
Desenvolveu o seu Pós-Doutoramento no Centro de Investigação em Desporto, Saúde e Desenvolvimento Humano (CIDESD, Portugal) onde investigou o efeito combinado da suplementação de nitrato com o treino de altitude simulada com atletas.
Paralelamente às atividades de investigação, é também Professora Assistente na Universidade da Maia, onde é a coordenadora do Mestrado em Ciências da Educação Física e Desporto – Especialização em Treino Desportivo.
É membro do Painel de Revisores do European College os Sports Science, desempenha funções como revisora de várias revistas da especialidade e auxilia também a avaliação e periodização do treino de vários atletas.

 

JÓNI NUNES

Hospital de Braga, Braga, Portugal
Clínica do Dragão – Espregueira-Mendes Sports Centre – FIFA Medical Centre of Excellence
Futebol Clube de Vizela

CARLES PEDRET

PhD in Medicine and Surgery from the Universitat Autònoma de Barcelona and Sports Medicine specialist from the Universitat de Barcelona.
My main activity is the diagnosis, treatment and RTP process of muscle and tendon injuries, especially the ultrasound diagnosis and ultrasound guided procedures.
External advisor to multiple professional teams of the English Premier League, Italian Serie A, Spanish Liga Santander and Liga Smartbank, China SuperLeague, Belgium Pro League and German Bundesliga (football), Spanish ACB basketball teams and NBA teams and advisor to the Royal Spanish Tennis Federation.

ANDRÉ SILVA

Fisioterapeuta na clínica Fisio Roma (actual)
Formador na Bwizer pela KTAI (Kinesio Taping Association International)
Fisioterapeuta na Aspire Academy for Sports Excellence (Qatar) 
Fisioterapeuta no Vitória Sport Clube (departamento de futebol de formação)
Mais de 10 anos de experiência ligado ao desporto com especial interesse pela área músculo-esquelética, avaliação e prevenção de lesões desportivas
Formação em fisioterapia desportiva, dinamómetro isocinético, análise biomecânica de marcha e corrida.

DIOGO RODRIGUES GOMES

Especialista em MFR e Pós-Graduado em Medicina Desportiva
Diretor Clínico do FC Famalicão
Clínica Espregueira | FIFA Medical Centre of Excellence

o que inclui o curso?

FAQ

QUANDO INICIA O CURSO?

Início a 21 de Abril de 2022

AS AULAS SÃO EM DIRETO?

As aulas são em directo mas pode assitir em diferido quando e como quiser! Terá acesso às gravações até 30 dias após o término do curso.

QUAIS AS TAXAS DE INSCRIÇÃO?

Taxas de inscrição:
  • até 21/03/2022 – 860€
  • após 22/03/2022 – 1060€

qual a política de devolução ?

 Todos os cancelamentos estão sujeitos a uma taxa  não-reembolsável de 25% do montante que corresponde à inscrição – custos administrativos.
 Até 15 dias da data da formação, em caso de cancelamento da inscrição,  será reembolsado em 75% do montante efetivamente pago.
Todos os cancelamentos com menos de 15 dias de antecedência da data da formação, estão sujeitos a uma taxa  não-reembolsável de 100% do montante que corresponde à inscrição.

POSSO PAGAR DE FORMA FASEADA?

Pagamento faseado com inscrição:
50% – Aquando da inscrição
25% – Após 30 dias
25% – Após 30 dias

quem deve frequentar e beneficiar do curso ?

Fisioterapeutas, Médicos, Enfermeiros, Osteopatas e Profissionais das Ciências do Desporto e de Educação Física.

A classificação final no curso resultará da classificação quantitativa obtida por exame final. A avaliação compreende as respostas a um exame de escolha múltipla com 40 perguntas. Cada resposta correta contribui com 0,5 valores para a classificação final. O exame será realizado no fim do curso.
A avaliação final de um curso é expressa através de uma classificação na escala numérica de 0 a 20 valores, considerando-se aprovação a obtenção de um mínimo de 10 valores.
A classificação final do curso pode ser acompanhada de uma menção qualitativa, expressa na seguinte escala: Suficiente (10 a 13), Bom (14 e 15), Muito bom (16 e 17) e Excelente (18 a 20).
De acordo com a legislação portuguesa (DL 42/2005 de 22 de fevereiro), as notas abaixo de 10, na escala de 0 a 20, implicam reprovação.
No final da ação será aplicado um instrumento de avaliação para aferição da satisfação dos participantes relativamente ao processo formativo e às condições de realização da ação, visando eventuais ações de melhoria.
No final do curso será emitido um Certificado de Formação Profissional, conforme legislação em vigor (Portaria nº 474/2010 de 8 de julho), a todos os participantes que concluírem com aproveitamento a ação de formação. O referido certificado, assim como um diploma, serão disponibilizados em formato digital na área do participante, no site da EMSaúde, num prazo máximo de 30 dias úteis, após a data de término da ação. Caso o aluno não tenha aproveitamento será emitido um Certificado de Frequência de Formação Profissional.

Subscreva a nossa newsletter

SIGA-NOS E FIQUE A PAR DE TODAS AS NOVIDADES

Share this:

Translate »
×
Introduza o seu email para iniciar a inscrição

*Ao completar este passo está a autorizar a Academia Clínica do Dragão e enviar emails com conteúdo educativo e promocional das nossas actividades. Poderá remover a subscrição a qualquer momento.
X